Mãe grava vídeo de filha de 2 anos sendo torturada pelo padrasto; veja vídeo chocante

Um casal teve prisão preventiva decretada após um vídeo de tortura protagonizado por ele ter viralizado na internet. As imagens foram feitas pela mãe de uma criança, que mostra ela mesma filmando a agressão contra a própria filha. A sessão de tortura foi executada pelo namorado da mulher.

O caso aconteceu em Palmares do Sul, no Rio Grande do Sul. Graças ao trabalho de investigação da Polícia Civil do estado e a Brigada Militar, os responsáveis ja foram presos quarta-feira (20).

O fato chegou ao conhecimento da Polícia Civil por meio do registro de uma ocorrência policial na Delegacia de Polícia de Palmares do Sul pelo Conselho Tutelar local, a partir de um vídeo amplamente divulgado nas redes sociais, desde terça-feira (19), no qual um homem agride uma criança, enquanto troca a sua fralda e a veste, ocasião em que uma mulher filma a ação.

Segundo o Delegado de Polícia Antônio Carlos Ractz Jr., constatou-se que o fato ocorreu neste mês, no Distrito de Granja Vargas, em Palmares do Sul, tendo o padrasto, de 47 anos, como agressor, e a enteada, de 02 anos e 08 meses, como vítima. A mãe, que tinha o dever de evitar, omitiu-se, limitando-se a gravar as agressões em vídeos, sem tomar qualquer providência.

“Com o casal, residiam outras crianças, uma de 06 anos e 01 mês e outra de 01 ano e 08 meses. Todas são enteadas do agressor, foram afastadas do convívio familiar pelo Conselho Tutelar e colocadas em família substituta. A investigação criminal prossegue para apurar se as outras duas crianças também foram vítimas”, contou o delegado.

Fonte: Portal Holanda

Facebook Comments