Em meio à pandemia, cinema! O filme Moscow, escrito e dirigido por Mess Santos, foi gravado este mês de agosto, durante a flexibilização da quarentena em São Paulo, em apenas 12 dias — tempo recorde e inédito para um longa metragem de grande produção

A trama traz nomes como Ludmilla e Thaila Ayala. A cantora, que foi criticada por Samantha Schmütz após anunciar sua estreia na TV como atriz na série Arcanjo Renegado, da Globoplay, mostra mais uma vez que não há limites nem rótulos para um artista. Ela falou com exclusividade à coluna e revelou que o convite, em um primeiro momento, veio de sua amiga Thaila.

“A minha atuação é bem pontual e especial. O filme é incrível e totalmente inédito no Brasil. Eles rodaram em 12 dias, fiquei espantada com essa inovação que o Mess trouxe para o cinema nacional. Fiquei muito feliz com o convite, que no primeiro momento veio da minha amiga Thaila, que é a protagonista. Aceitei na hora. O roteiro é surpreendente e o final é de deixar o queixo caído”, contou Lud.

Os atores Ravel Cabral, Jeniffer Nascimento, Sacha Bali, Micael, Bruno Fagundes, Werner Shünemann, Pedro Lemos, Gabi Lopes e Victor Pecoraro também estrelam o elenco. A produção musical ficou a cargo de FTampa e a trilha sonora original interpretada por Jennifer Nascimento e Raquel Lledó.

“Tinha tudo na cabeça, só faltava o investimento para viabilizar e optamos por não buscar incentivos públicos, pois é um projeto que acreditamos ser financeiramente viável e que poderia ser um exemplo para outros produtores e investidores. Em muitos lugares do mundo o cinema mainstream sobrevive e gera lucros sem precisar de incentivos fiscais, acredito que o Brasil possa fazer o mesmo” declara Mess.

Com a pandemia, a equipe contou com um médico como consultor e um time especializado no local para garantir que todas as medidas de segurança estavam sendo seguidas corretamente. A começar pela preparação de elenco, que foi feita à distância, usando ferramentas virtuais. Em seguida, todos foram testados e ficaram isolados até a data das preparações e ensaios presenciais, que também seguiram regras de distanciamento social.

Para se manter dentro das normas e protocolos atuais, a produção inovou novamente. Veja algumas medidas adotadas:

* Elenco e equipe foram testados;
* Um médico e um enfermeiro orientaram a equipe;
* Parte dos figurantes eram manequins realísticos;
* Preparação de elenco e pré-produção feitas via Facetime;
* Equipe bastante reduzida no set, 10 até 15 pessoas (em tempos normais equipes podem chegar a 100) e distanciamento social.

Fonte: Metropoles

Facebook Comments