A Prefeitura de Ji-Paraná iniciou nesta quinta-feira (8) a imunização de servidores da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e da Polícia Militar (PM) contra o novo coronavírus (Covid-19). A vacinação dos agentes de Segurança Pública, que atuam no patrulhamento e em ações de combate à Covid-19, foi realizada no 2º Batalhão de Polícia Militar (2º BPM).

A inclusão dos agentes das forças policiais, de salvamento e Forças Armadas nos grupos prioritários do Plano Nacional de Imunização (PNI) foi publicada, no dia 31 de março, na Nota Técnica Nº.  297, do Ministério da Saúde, garantindo a imunização dos servidores da Segurança Pública.

Na ação desta quinta-feira, 70 agentes da PM e outros 10 policiais da PRF começaram a receber a dose da vacina CoronaVac, desenvolvida pelo Instituto Butantan em parceria com o laboratório Sinovac.

Segundo a psicóloga e chefe da Formação Sanitária do 2º BPM, Gleiciane Benfica Fernandes, cerca de 180 agentes da PM exercem a função de Rádio Patrulha ou de Patrulha Covid. Dentro deste grupo, o setor de Formação Sanitária criou uma lista de prioridades.

“Nós organizamos exclusivamente com os agentes que desenvolvem o patrulhamento ostensivo, com a Rádio Patrulha, e os que trabalham no apoio à Vigilância Sanitária, com a Patrulha Covid. Dentro dos profissionais que exercem essas funções específicas, foram utilizados critérios de idade, acima de 45 anos, e se possuem algum tipo de comorbidade”, explicou Gleiciane.

O agente da PRF João Moura foi um dos vacinados durante a ação no 2º BPM de Ji-Paraná. O policial contou que já perdeu colegas de farda para a doença e destacou a importância da imunização dos agentes de Segurança Pública.

“Com certeza [é importante]. Nós já perdemos alguns colegas para essa doença, então essa ação do Governo e da Prefeitura é fundamental para garantir a segurança dos agentes”, destacou o policial rodoviário federal.

O Prefeito de Ji-Paraná, Isaú Fonseca (MDB), comemorou o início da vacinação dos policiais, destacando o trabalho realizado por esses servidores, especialmente durante a pandemia que vem afetando todo o mundo.

“Os policiais não pararam de trabalhar em nenhum momento desta pandemia, sempre mantendo a ordem e protegendo a população. Agora, chegou a hora de proteger esses profissionais contra esse maldito vírus, garantindo segurança maior para essas pessoas que já enfrentam todas as adversidades do serviço policial e tiveram que aprender a lutar contra um inimigo invisível”, garantiu Isaú Fonseca.

Decom Ji-Paraná

Facebook Comments