Valter José do Carmo Júnior, irmão do deputado estadual Eyder Brasil, morreu aos 35 anos em Porto Velho, neste sábado (8).

A informação foi confirmada ao G1 pela esposa do deputado, Siça Andrade. Segundo ela, um acidente doméstico aconteceu em um sítio da família e todos estão em choque com a perda.

“Acabamos de enterrar o pai dele e agora o irmão mais novo”, disse Siça.

Conforme informações da Polícia Rodoviária Federal, durante a manhã, um homem procurou o posto da PRF, pedindo ajuda para Valter que havia caído de uma escada. Os policiais foram à propriedade rural e realizaram os procedimentos de primeiros socorros até a chegada da ambulância.

Entretanto, mesmo com as tentativas de estabilização e massagem cardíaca, Valter não resistiu e morreu.

A perícia e o Instituto Médico Legal (IML) foram acionados e a família da vítima foi informada sobre o acidente.

Em nota, a Assembleia Legislativa de Rondônia (ALE-RO), manifestou profundo pesar pelo falecimento de Valter neste sábado (8).

“Ao nobre parlamentar, familiares e amigos externamos nossos votos de solidariedade, rogando a Deus que conforte a todos nesse momento de imensa dor. Que Deus o receba em sua morada eterna”, consta na nota de pesar.

Há um mês, o deputado Eyder perdeu o pai, Valter José do Carmo, de 74 anos, para a Covid-19 em Porto Velho. Valter era conhecido popularmente como Maranhão.

Ele era casado com Feitosa Brasil do Carmo e deixou sete filhos, 15 netos e sete bisnetos.

Fonte: G1

Facebook Comments