O historiador, economista, jornalista e memorialista Anísio Gorayeb Filho, 66 anos, morreu na tarde deste domingo (21) no Cemetron, em Porto Velho. Ele estava internado com Coronavírus desde o último dia 7 de março, teve sérias complicações, ficou intubado, mas não resistiu ao tratamento. O anúncio da morte foi feito por familiares e amigos pessoais, entre eles o jornalista Marcelo Régis.

Funcionário público estadual desde 1983 ele exerceu diversos cargos no Estado, no município de Porto Velho e no Governo Federal. Ultimamente trabalhava na Prefeitura da Capital e na Rádio Rondônia FM.

Anísio Gorayeb completou 66 anos no último dia 15.

Facebook Comments