Cosmo Vital Pacheco, 65, morreu ao desembarcar no Aeroporto Internacional Jorge Teixeira, em Porto Velho, nesta madrugada de sexta-feira (05).

O idoso é uma das vítimas que tinha ido se tratar da covid-19 em Porto Alegre (RS), devido a falta de leitos em Rondônia. Ele vinha em uma aeronave com mais sete pessoas e ao chegar na capital passou mal e morreu.

A Polícia Militar foi acionada para fazer o registro da ocorrência e o rabecão fez a remoção do corpo. A Secretaria Estadual de Saúde (Sesau) ainda não emitiu nota sobre o caso.

Fonte: Rondoniaovivo

 

Facebook Comments