HOSPITAL DE BASE FORNECE MAIS DE QUATRO MIL REFEIÇÕES DIÁRIAS

3-refeitório-HB-370x246O Hospital de Base Ary Pinheiro fornece mais de quatro mil refeições balanceadas e supervisionadas diariamente pelo departamento de Nutrição da unidade, entre café e lanche da manhã; almoço e lanche da tarde; jantar, ceia e refeições especiais.

Um ponto que vem sendo constantemente aprimorado é o cardápio. “No geral ele é unificado, mas existem preparações que podem dificultar para os pacientes. É este cardápio de dietas especiais como para diabéticos, hipertensos os que mais são observados”, afirma Lya Demétrio, chefe do departamento de Nutrição do HB.

Recentemente, o refeitório do hospital recebeu recomendação da Vigilância Sanitária para adequá-lo melhor ao atendimento e parâmetros de qualidade exigidos pelo departamento de Nutrição, que incluiu troca de piso da área de recebimento de produtos,  pintura e substituição de utensílios.

3-restaurante-1-370x246No contrato de prestação de serviço firmado entre o Governo do Estado, representado pela Secretaria Estadual de Saúde (Sesau) com a empresa terceirizada, responsável pela gestão do refeitório, consta cláusula onde fica a empresa responsável pela manutenção e alterações necessárias para a melhoria da estrutura e atendimento aos pacientes.

De acordo com Lya Demétrio, o departamento fiscaliza toda a estrutura indicando o que precisa de reparo e manutenção. “Fazemos o relatório solicitando as adaptações e enviamos para a empresa que geralmente acata nosso pedido de providência”, explica a nutricionista encarregada.

Nesta última reforma realizada na segunda quinzena de março, foi incluída também a pintura do refeitório. “Como temos fritura de alimentos, a gordura acaba pegando na parede”, conta a gerente da empresa fornecedora, Lucia da Cunha, que afirma que “o valor investido é irrelevante perante o benefício oferecido ao usuário”, ressalta a gerente que afirma que esta é a primeira reforma desde a entrega do novo refeitório que já está operando há cerca de um ano.
3-restaurante-2-370x249Com 125 funcionários, cinco nutricionistas, além dos estagiários das faculdades que desenvolvem atividades supervisionadas, a equipe se reveza em quatro turnos de 12 horas cada, sendo responsável pela produção de seis refeições diárias.

Quem geralmente come no refeitório são os acompanhantes e os servidores, explica Lya, “no caso específico dos pacientes e daqueles servidores que não podem se ausentar de seus postos como médicos e enfermeiros plantonistas, as refeições são transportadas pelas copeiras em bandejas nos carrinhos, sob a supervisão de um auxiliar de nutrição até os setores”.

O cardápio é elaborado pela equipe Nutri Mais sob a supervisão do setor de nutrição do HB. São 602 refeições servidas no café da manhã, 380 no lanche da manhã (servido por volta das 09hs), 993 porções no almoço, 514 no lanche da tarde (servido as 15hs), 673 na janta e 439 ceias servidas antes de o paciente dormir, totalizando 3.601 refeições. Soma-se a este montante 550 bandejas que incluem as refeições especiais.

Com o seu primeiro filho em observação clínica, o auxiliar administrativo Ruan Franco, de 21 anos, natural de Guajará Mirim, que acompanha sua esposa, fala que “a qualidade do alimento é de restaurante”, brinca ao falar da dificuldade que é sair de sua cidade para poder buscar um tratamento de saúde, mas que se sente amparado por contar com toda a estrutura de saúde disponibilizada.

3-restaurante-HB-370x246Para atender pacientes e acompanhantes como Ruan com qualidade e excelência existe um cronograma e planilhas de entrega de produtos, limpeza, controle de temperatura das câmaras frias, tudo para assegurar a higiene e qualidade dos alimentos, conforme relata Lucia.

Outro procedimento de controle que garante a qualidade das refeições é a coleta de amostra, onde material fica por até 72 horas na câmara fria e caso haja alguma eventualidade a amostra é enviada para análise.

Fonte
Texto: Romeu Noé
Fotos: Ésio Mendes

Facebook Comments