Haitiano é espancado após matar homem em Porto Velho

Weliton Machado da Silva, 31 anos, foi assassinado a tiros por volta das 4h30 da manhã de domingo (20), na frente de um bar, na Rua Plácido de Castro, Bairro JK, na Zona Leste de Porto Velho. O acusado, Jacob Destine, foi perseguido por populares e agredido. O veículo dele, um Gol, foi incendiado.

As versões de uma testemunha e do acusado são divergentes. Jacob Destine disse que estava no bar e já iria para casa, mas Weliton estava discutindo com uma mulher nas proximidades de seu veículo e ele pediu para passar.

Afirmou ainda que nesse momento foi agredido física e verbalmente. Em seguida correu ao carro, pegou a arma e efetuou dois disparos, atingindo a vítima.

Já a mulher que estava com Weliton narrou aos policiais que seu companheiro teria pedido que fossem embora do bar porque Jacob Destine queria mata-lo.

Após o assassinato o acusado tentou fugir, mas foi agredido por populares e teve o carro incendiado.

A PM foi acionada e encontrou Jacob Destine nas proximidades de um supermercado.

Fonte: Rondoniagora

Facebook Comments