O pai de uma criança de 10 anos voltou atrás e não autorizou que a filha interrompa a gravidez. A menina, grávida de cinco meses, está internada no Hospital Sul, em Cruzeiro do Sul, no interior do Acre. As informações são do G1.

Segundo informações da unidade de saúde, a menina está no local há três dias e, após conversas com a equipe médica, o pai voltou atrás na decisão e desautorizou o aborto.

O caso é acompanhado pelo Conselho Tutelar do estado, Tribunal de Justiça e Ministério Público.

A situação da menina foi revelada pela vereadora Janaina Furtado (Rede), nas redes sociais. “Ontem fui surpreendida com uma notícia muito triste, preocupante e estarrecedora… Estarei acompanhando o desfecho desse caso, que só nos entristece, especialmente nós mulheres que somos mães e não desejamos essa situação a ninguém”, disse.

Facebook Comments