Governo diz que municípios seguem boas práticas e que não houve vacinação com doses vencidas em Rondônia

O Governo de Rondônia negou na noite desta sexta-feira (2), que tenha encaminhado vacinas com datas de validades vencidas para os municípios. Em nota, o Governo defendeu as prefeituras assegurando que houve verificação de todos os lotes enviados ao Estado. Sobre a denúncia específica, explica que houve problemas técnicos no período. Confira:

A Agência Estadual de Vigilância em Saúde (AGEVISA) informa e reafirma que os Municípios do estado de Rondônia não aplicam vacinas com prazo de validade expirado. Os profissionais destacados pelos municípios para aplicação das vacinas, adotam as boas práticas de vacinação, que entre vários itens observados, os lotes são devidamente verificados quanto ao prazo de validade e existe triagem rigorosa nesse processo.

O número de doses de vacina para covid-19 adquiridas e distribuídas pelo Ministério da Saúde (MS), sempre foi muito aquém da necessidade para cumprir com o Plano de vacinação, ou seja, na realidade assim que chegaram nos municípios foram imediatamente aplicadas, não havendo a possibilidade de expirar seu prazo de validade.
Em relação a matéria sobre aplicação de vacinas com prazo de validade expirado a Agevisa esclarece o seguinte:

No início da vacinação nos meses de janeiro e fevereiro, as doses aplicadas pelos municípios não eram informadas em tempo real, com consequente atraso na digitação. A data da digitação dos dados do vacinado não necessariamente corresponde ao dia efetivo de vacinação, os dados são inseridos no sistema de informação a posterior.

O Governo do Estado de Rondônia antecipando o problema decretou que os imunizantes destinados à 1ª dose devem ser aplicados até 72h (setenta e duas horas) após o recebimento, já os destinados para a 2ª dose devem ser aplicados de acordo com o agendamento prévio realizado na primeira aplicação. Imediatamente após a aplicação do imunizante, os registros das vacinas aplicadas devem ser inseridas no Sistema de Informações do Programa Nacional de Imunização SI – PNI. Com o registro nominal individualizado e amplamente divulgado, o estado de RONDÔNIA aumentou em 98% no número de pessoas imunizadas com a primeira dose, saindo de 230.214 pessoas vacinas para 456.654.

Priorizamos o ato de vacinar e proteger a população rondoniense e seguimos firme no propósito de defesa do Sistema Único de Saúde (SUS).

Facebook Comments