Depois de receber pressões de todos os setores da sociedade civil, o governador Marcos Rocha-PSL, pôs a mão na consciência, voltou atrás e decidiu solicitar de volta da Assembléia Legislativa o Projeto de Lei 446/2020, que  concederia um perdão de dívidas da Energisa com o Estado, na ordem de aproximadamente R$ 1,3 bilhão.

Rocha, que despacha digitalmente em sua residência após a primeira dama, Luana Rocha, está contaminada pela C OVID-19, cedeu às pressões e críticas que vinha recebendo, também de deputados estaduais.

A Energisa, que comprou a extinta CERON por R$ 50 mil  reais, fez o negócio ciente dos passivos da companhia e vinha contando com o beneplácito do governador para perdoar o que deve ao Estado.

CONFIRA MENSAGEM DO GOVERNADOR AO LEGISLATIVO

rochaenergisa

NOTA DA ENERGISA:

A Energisa informa que acompanha a tramitação do Projeto de Lei nº 460 na Assembleia Legislativa de Rondônia (Alero) como dezenas de outras empresas que atuam no estado.

Frisa, porém, que as dívidas herdadas da antiga Ceron seguem sendo objeto de contestação nas esferas administrativa e judicial.

A Energisa ressalta que desde que assumiu a concessão no estado, no fim de 2018, mantém em dia o pagamento de tributos ao estado.

Fonte: Rondonoticias

Facebook Comments