Egídio tenta passar por Isla no Fluminense x Flamengo (Foto: Mailson Santana / Fluminense FC)

A primeira partida da final do Campeonato Carioca, sábado (15) entre Fluminense e Flamengo terminou empatada em 1 a 1. Com gols de Gabigol, de pênalti no primeiro tempo, e Abel Hernández, de cabeça no segundo, a decisão do Estadual está aberta. O principal destaque da partida ficou por conta do jogo pegado que teve nove cartões amarelos, além de 41 faltas cometidas.

Primeiro tempo

O Flamengo foi mais dominante durante boa parte do jogo. Com o domínio das ações, conseguiu ameaçar em lance de Bruno Henrique, até que o juiz marcou pênalti em Gerson com o auxílio do VAR. Gabriel foi para a cobrança e, como de costume, converteu, deslocando Marcos Felipe para o outro lado. O Rubro-Negro continuou sendo o senhor do jogo e ameaçou ainda com Arrascaeta e o próprio Gabigol. Do lado Tricolor, a principal oportunidade foi com Kayky, que optou por encher o pé quando deveria ter tentado usar a técnica logo depois do gol do Flamengo.

Segundo tempo

O Fluminense voltou para o segundo tempo já com uma alteração: Cazares no lugar de Nenê. O time tricolor esteve melhor na etapa final e, com o passar do jogo, passou a ter as melhores chances. Apostando na bola aérea – que tem dado resultado no time de Roger Machado e azucrinado a equipe de Rogério Ceni – o Flu conseguiu chegar ao empate após boa bola levantada de Egídio para Luiz Henrique, que encontrou Abel Hernández livre para cabecear. O próprio Luiz Henrique ainda teve outra grande oportunidade, mas errou o chute cara a cara com Gabriel Batista.

Teve torcida

Fluminense e Flamengo puderam levar 150 convidados, cada, para assistir à primeira partida da final neste sábado. Ao todo, 148 pessoas foram ao Maracanã, a maioria sendo do Flamengo (114). Além dos rubro-negros, havia também patrocinadors, funcionários da Record e da Secretaria de Esportes do governo do Rio.

Leia mais AQUI.

Cartões

Que clássico costuma ser pegado todo mundo já sabe. Final então… Pois bem, foi assim o primeiro jogo da decisão entre Flamengo e Fluminense. Ao todo, o árbitro Alexandre Vargas Tavares de Jesus distribuiu nove cartões amarelos (cinco para o Flu e quatro para o Fla) e marcou 41 faltas (19 a 22). Apesar disso, nenhum dos jogadores que estavam pendurados recebeu o terceiro amarelo. Portanto Roger Machado e Rogério Ceni só terão desfalques por lesão para a grande decisão.

  • E agora?

    Com o empate em 1 a 1 no primeiro jogo, é muito simples. Qualquer empate leva o jogo para os pênaltis. Quem vencer é o campeão carioca de 2021. O jogo da volta será no próximo sábado, também no Maracanã, também às 21h05 (de Brasília). Antes disso, porém, os dois times voltam a campo pela Libertadores. O Fluminense enfrenta o Junior Barranquilla na terça-feira, às 21h30, e o Flamengo recebe a LDU às 21h. Ambos os jogos serão no Maracanã.

    • Clima quente fora de campo também

      Depois do apito final, a ida para o vestiário também foi tensa. Durante a transmissão do jogo foi possível observar que Fred e o presidente do Fluminense, Mario Bittencourt, reagiram em direção aos jogadores e dirigentes do Flamengo. Todos os detalhes você pode ver clicando aqui.erança

      Fonte: GE

Facebook Comments