Após dois anos e uma eleição disputada e difícil pelo PODEMOS (19) a deputado estadual, o ex-vereador e ex-secretário municipal de saúde Sid Orleans oficializou hoje, 1º de abril, a sua saída do referido partido.

Na avaliação de Orleans, existem em outras agremiações situações que evitam que a mesma cena de 2016 se repita em 2020: Orleans com 44 leis aprovadas para a população de Porto Velho e o mais votado do Partido da época, ficou de fora do terceiro mandato de vereador porque não foi atingido o quociente eleitoral na legenda partidária.

Mesmo antes da decisão, Orleans já vinha sendo, ao longo dos últimos 60 dias, sendo convidado por vários partidos que gostariam de tê-lo em seus quadros, de todos os espectros políticos.

Me sinto honrado pelos convites e aceitação do nosso nome como alguém que pode contribuir para o município de Porto Velho, todas as grandiosas agremiações do nosso Estado mesmo sabendo todos eles que não abro mão de trazer a justiça e oportunidades à todos, sem nenhuma distinção”.

Perguntado se já escolheu para qual partido irá, Orleans desconversa: “Existem muitas portas abertas que reúnem as possibilidades do alcance do quociente eleitoral, de formação de nominatas competitivas e principalmente projetos muito importantes à população portovelhense. Ainda avalio com carinho cada uma delas”.

Quanto ao PODEMOS, o enfermeiro, diz ter sido muito bem acolhido e feito grandes amigos no Partido. “Deixo as portas abertas, tenho certeza. Agradeço ao Léo Morais pela recepção que tive e estarei pronto para colaborar naquilo que for preciso, desde que melhore a vida das pessoas. Foi um período muito rico e de aprendizado para mim”, conclui Orleans.

Fonte: Assessoria

Facebook Comments