Estádio Aluízio Ferreira não poderá ser utilizado no Campeonato Rondoniense 2020

O Campeonato Rondoniense pode sofrer uma importante baixa para a temporada 2020. Trata-se do estádio Aluízio Ferreira, que passará por reforma de modernização no final
deste ano. A informação é do superintendente da Sejucel (Superintendência da Juventude,
Cultura, Esporte e Lazer), Jobson Bandeira.

De acordo com o superintendente, o prazo previsto para execução da obra é de 180 dias corridos. “Tenho que usar uma verba de R$ 1,6 milhão esse ano, caso contrário perdemos. Tem que ser usado nesse ano ainda”, frisou Jobson.

Dentre as melhorias a serem executadas no estádio Aluízio Ferreira estão: construção de
administração, construção de acessos laterais, instalações elétricas, instalações de sistemas de segurança, proteção de combate a incêndio e pânico, reforma nas arquibancadas e nos alambrados, pintura externa, entre outros.

A obra do estádio Aluízio Ferreira está orçada no valor de R$ 979.745,03. “Essa ação está
no valor de R$ 980 mil, ainda vou ter mais R$ 600 mil para outras ações”, revelou Jobson.
Com isso, Genus, Porto Velho e Rondoniense terão que mandar suas partidas no
Campeonato Rondoniense 2020 em outra praça esportiva.
O Campeonato Rondoniense 2020 está previsto para iniciar no final do mês de janeiro.

2ª vez na história

Esta será a segunda vez que os clubes da capital não poderão mandar seus jogos do
Estadual no estádio Aluízio Ferreira. Em 2004, Cruzeiro, Genus e Shallon tiveram que sediar suas partidas no estádio Gentil Valério, em Ariquemes (à 200 km de Porto Velho) em virtude de algumas melhorias executadas pelo Governo de Rondônia na praça esportiva.

Fonte: Futebol do Norte

Facebook Comments