Drive-thru noturno realizado pela prefeitura de Porto Velho vacina mais de 2 mil pessoas

Excepcionalidade. Esta é a palavra que pode representar a quinta edição do drive-thru de vacinação contra a Covid-19 promovida na sede da Prefeitura de Porto Velho, o Prédio do Relógio, na noite de sexta-feira (9).

Diante da procura abaixo do esperado para o público acima de 37 anos, o prefeito Hildon Chaves determinou à Secretaria Municipal de Saúde (Semusa) que excepcionalmente nesta ação pudesse imunizar todas as pessoas cadastradas no SASI a partir de 35 anos até o fim das doses disponíveis.

“Os internautas são sensacionais. Foi um sucesso absoluto. Graças a Deus, muita gente se vacinou. A baixa da idade foi uma opção, pois havia muitas equipes de trabalho e não tinha público”, destacou Hildon Chaves.

De acordo com a secretária municipal de Saúde, Eliana Pasini, a estrutura foi montada para proporcionar acesso às pessoas que não têm condições de ir aos pontos de vacinação em horário comercial: “Além de tudo, oferecemos mais comodidade, pois estamos com um tempo de sol muito forte e de calor e, desta forma, estamos num ambiente mais tranquilo e ameno”, lembrou Eliana.

“Esperava tanto por este momento, não tenho nada contra a vacina e a que veio tomei. Todos nós precisamos nos livrar o quanto antes destas máscaras e espero que este processo de vacinação caminhe bem rápido”, disse o morador do bairro Cidade Nova.

VACINA CONTRA A FOME

A primeira-dama, Ieda Chaves, aproveitou o drive-thru para lembrar da importância em ajudar na alimentação de muitas famílias que estão em situação de vulnerabilidade. “Doar sempre é um ato de amor ao próximo e, não custa nada, fazer a doação de 1kg de alimento não perecível. Vamos garantir alimento para muita gente neste momento de dificuldade”, disse a primeira-dama.

Em todos os locais de vacinação contra a Covid-19 são montados pontos de arrecadação de alimentos para a campanha “Vacina contra a fome”. As pessoas que foram para a imunização puderam contribuir com a doação de alimentos não perecíveis. Em seguida, sob a coordenação da primeira-dama, são montadas cestas básicas e entregues às famílias em situação de vulnerabilidade social cadastradas junto a Secretaria Municipal de Assistência Social e da Família (Semasf).

Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

Facebook Comments