Dois idosos de 70 e 77 anos, que moram na Casa do Ancião São Vicente de Paula, em Porto Velho, testaram positivo para o novo coronavírus. A informação foi confirmada pela Secretaria de Estado da Assistência e do Desenvolvimento Social (Seas).

Um dos idosos tem familiares na cidade, mas não recebia visitas periódicas antes da pandemia e o outro não possui referências familiares.

De acordo com a Seas, os pacientes já estão recuperados e não há perigo aparente aos outros 21 idosos que moram no local, pois já passou o período de transmissão da doença.

Em nota, a secretaria informou que os residentes são testados periodicamente quando apresentam sintomas característicos da doença, conforme protocolo da Organização Mundial da Saúde (OMS).

A orientação é, imediatamente, isolar os idosos que apresentam suspeitas da Covid-19. Já os profissionais, ao demonstrarem sintomas, são testados e acompanhados pela médica assistencialista da Casa do Ancião, segundo a secretaria.

Como medidas de segurança, foi adotado o distanciamento social, as áreas coletivas foram interditadas e as visitas presenciais suspensas temporariamente.

A pandemia aumentou a solidão que era rotina para muitos idosos. Eles já lidavam com o distanciamento da família e agora também enfrentam a saudade das conversas com os voluntários.

As visitas e atividades coletivas na Casa do Ancião estão suspensas desde o dia 13 de março. Por isso, o único contato que o idosos têm com pessoas de fora é através de ligações, chamadas de vídeos, bilhetes ou cartas.

A Seas declarou que filhos de funcionários da casa chegaram a gravar vídeos falando da saudade de visitar os “vovôs e vovós”, como são chamados os idosos.

“Nos vídeos, as crianças falam para os idosos que eles não foram esquecidos. Um dele disse: “Por enquanto, por favor se cuide, é porque quero te ver bem novamente. Sentimos sua falta”. Neste momento, as mensagens são uma grande demonstração de carinho”, informa a secretaria.

Os interessados em ajudar podem gravar uma mensagem de áudio, vídeo, ou fazer uma videochamada. Basta entrar em contato com a Seas pelo e-mail: comunicacaoseas.ro@gmail.com e solicitar o acesso aos celulares da casa.

Fonte: G1

Facebook Comments