A Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), emitiu nota nesta quarta-feira (8) esclarecendo sobre a morte morte do taxista Aparecido Rodrigues Lopes (Leão) com suspeita de Covid-19, em Porto Velho

De acordo com a nota, o atendimento ao paciente foi realizado seguindo os protocolos estabelecidos pelo Ministério da Saúde e pela Nota Técnica da Vigilância Epidemiológica;

O paciente procurou a UPA Leste no dia 06 de abril com sintomas gripais (febre leve, tosse e falta de ar). Após a triagem, o paciente foi colocado em isolamento, examinado, realizados exames laboratoriais, coletado material para testagem de Covid-19 e medicado, ficando em observação;

Recebeu alta com prescrição médica e orientação para isolamento social, em função da suspeita de Covid-19 e retorno na piora dos sintomas;

Além disso, o paciente era portador de diabetes mellitus e hipertensão arterial sistêmica (fazia uso recorrente de medicamentos);

Tão logo foi informada do óbito, o Departamento de Vigilância em Saúde (DVS) acionou os setores envolvidos para investigação do caso, inclusive orientado sobre a necessidade de rigor com as medidas de biossegurança que o caso necessita;

O DVS solicita que os passageiros que tiveram contato com o taxista, que informa a vigilância epidemiológica através dos telefones 3223-5958 e 98473-7909.

Facebook Comments