Como higienizar o carro em época de coronavírus

Tenha você carros Chevrolet ou automóveis Fiat, é importante saber como higienizar o carro em época de coronavírus. Afinal de contas, o automóvel pode ser um vetor de contaminação, uma vez que é um espaço onde pessoas podem compartilhar o mesmo ar e transportar gotículas que levam o vírus de uma para a outra. Assim, ter cuidados de higiene no veículo reduz esse risco.

Recentemente, cientistas divulgaram um estudo mostrando que o risco de contaminação do novo coronavírus por contaminação é baixo, mas não zero. Portanto, é essencial focar os esforços de higienização no ar, claro, mas também vale a pena fazer algum cuidado nas superfícies do automóvel para garantir realmente zero chances de infecção, especialmente com as novas variantes que continuam surgindo.

E aí, quer aprender como higienizar o carro em época de coronavírus? Então siga a leitura do artigo abaixo!

Como higienizar o carro em época de coronavírus: 6 dicas

1. Faça higienização interna completa com frequência

Busque fazer uma higienização intensa nos períodos que transportar bastante passageiro. Esse processo consiste em lavagem à seco do estofamento, tapetes, piso e ar-condicionado.

Há também a possibilidade de realizar uma sanitização com ozônio, eficaz contra proliferação de bactérias, fungos e vírus

2. Use uma mistura de sabão e água para limpar o estofamento

Antes de iniciar o dia, em seu período de almoço, e ao encerrar o expediente, borrife nos bancos e no piso uma solução de sabão e água, evitando o álcool para não estragar o estofamento.

A água com sabão é a combinação mais recomendada para exterminar vírus, e ela irá destruir as cepas que estiverem em seus bancos, trazidas por passageiros.

E não se preocupe com bancos molhados, pois a solução em aerossol tem secagem rápida e eficiente.

3. Use máscara o tempo todo que estiver no veículo

A máscara impede que gotículas de saliva se hospedem na parte interior do carro, e, se estiver contaminado sem saber, irá impedir também a transmissão do vírus.

Peça para seus passageiros que utilizem máscara sempre que entrarem no veículo, e faça você também, o uso da máscara sempre que estiver em seu carro, não só no momento que houver passageiros.

Fique atento para usar o modelo correto de máscara, como a PFF2 e a N95. Não use máscaras de tecido e nem máscaras que fiquem frouxas no rosto. A prevenção é a melhor forma de evitar contaminação em seu automóvel.

4. Cuidado com a circulação de ar

Como dito anteriormente, cientistas mostraram que o maior risco de contaminação pelo novo coronavírus é pela transmissão pelo ar. Portanto, é essencial estar com a máscara o tempo todo no rosto, para reduzir esse risco.

No entanto, existem outras camadas de proteção que devem ser adotadas para maior garantia. Uma delas é deixar as janelas do carro abertas para circulação de ar. Isso garante que as gotículas com o vírus não ficarão presas dentro do automóvel.

Colocar um plástico entre os bancos de trás e os da frente é uma ótima ideia. Esse tipo de recurso é especialmente útil para quem é taxista ou é motorista de aplicativo, que acaba levando passageiros constantemente. Assim, o profissional fica protegido do vírus caso algum passageiro tenha. No entanto, lembre-se de aplicar outras regras de segurança antes de receber o próximo cliente, mantendo as janelas abertas, limpando o plástico protetor e o estofamento.

5. Limpe o painel com álcool

Use o álcool isopropílico 70 para limpar volante, painel e todas as partes plásticas ou de vidro da parte interna do carro. Faça isso com frequência, de 2 em 2 horas que estiver recebendo passageiros, para não correr o risco de ter infecção de um passageiro para outro.

Deixe um dispenser de álcool isopropílico à disposição dos passageiros para que possam higienizar suas mãos quando entram no veículo, diminuindo a chance de contágio.

6. Não deixe lixo acumulado

Prefira uma sacolinha plástica ao invés do saquinho tradicional de TNT, mas não deixe acumular lixo no interior do carro. Caso use papel higiênico para assoar o nariz, amarre o lixo imediatamente, e jogue na lixeira mais próxima.

Papel e outros lixos sólidos são ambientes propícios para proliferação de vírus e bactérias, por isso, deve-se evitar consumir alimentos e outros hábitos que resultem em restos no interior do automóvel.

Pronto! Agora que você já sabe como higienizar o carro em época de coronavírus, já pode deixar seu automóvel mais seguro. Lembre-se de que apesar do risco de contaminação por superfície ser baixo, ele não é zero. Portanto, mantenha o veículo limpo com álcool gel. Além disso, foque seus esforços para reduzir a circulação de ar pelo automóvel, incluindo deixar as janelas abertas e um plástico entre as pessoas. Assim, você poderá reduzir muito as chances de contaminação dentro do carro.

Gostou do conteúdo? Então compartilhe-o com seus amigos nas redes sociais e no WhatsApp!

Facebook Comments