Comissão debate projeto de Confúcio que cria prontuário eletrônico único Fonte: Agência Câmara de Notícias

A Comissão de Seguridade Social e Família da Câmara dos Deputados debate nesta segunda-feira (25) o Projeto de Lei 3814/20, que cria o prontuário eletrônico único.

A deputada Adriana Ventura (Novo-SP), que propôs a realização da audiência, acredita que o Brasil necessita avançar na informatização dos serviços de saúde, e a criação de prontuário eletrônico único caminha nesta direção.

“Nosso sistema de saúde sofre com a falta de integração de dados, por isso
precisamos buscar a criação de um modelo integrado que agilizará a gestão,
a pesquisa, e produzirá uma resposta mais adequada aos pacientes”, disse.

A deputada é relatora do PL 3.814/20, que é de autoria do senador licenciado Confúcio Moura.

Debatedores
Confirmaram presença na audiência:
– o 2º vice-presidente do Conselho Federal de Medicina e coordenador da Câmara Técnica de Informática em Saúde do CFM, Alexandre de Menezes Rodrigues;
– o diretor de Relações Governamentais do CFM, Marco Aurélio Ferreira;
– a diretora jurídica do Hospital Albert Einstein, Rogéria Leoni Cruz;
– o diretor de Relações Institucionais e Governamentais da Associação das Empresas de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC) e de Tecnologias Digitais, Sergio Sgobbi; e
– o presidente da Sociedade Brasileira de Informática em Saúde (SBIS), Luis Gustavo Gasparini Kiatake.

 

Fonte: Agência Câmara de Notícias

Facebook Comments