Cristiane Lopes terá que correr muito para superar os 49% de Hildon Chaves no Ibope

PORTO VELHO- Uma tarefa quase impossível. A candidata a prefeita de Porto Velho, Cristiane Lopes (PP) tentará superar a diferença no Ibope que deu a ela 33% enquanto Hildon Chaves (PSDB) conquistou 49% da preferência do eleitor. Com evangélicos divididos e Hildon Chaves surfando uma onda digna de Nazaré (onda de mais de 20 metros em Lisboa, Portugal), a candidata aposta no “alinhamento” com os governos estadual e federal,  ou seja, com o governador Marcos Rocha (Sem partido) e com o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). Alinhamento este que não agradou aos eleitores do ex-candidato Breno Mendes (Avante), derrotado nas urnas em 15 de novembro passado.

A candidata insistiu ontem, durante o debate, neste alinhamento, sendo criticado pelo tucano que disse que não faz questão destes “apoios” para administrar a capital do Estado. Faltando exatos sete dias para definir o nome do prefeito no segundo turno, o maior cuidado entre os dois candidatos será a disseminação de fake news. “Se o Hildon não tiver cuidado com as fakes news que irão surgir esses dias ele irá perder! Os bolsonaristas são bons nisso!”, postou um eleitor nas redes sociais. De fato o que preocupa são as fake news, mas, faltando apenas uma semana para o pleito, dificilmente a candidata adversária conseguirá implantar uma fake news capaz de derrubar o surfista de Nazaré. Ademais, parece que o eleitor já está vacinado nesta questão, para os dois lados.

Fonte: Mais RO

Facebook Comments