COLUNA POLÍTICA E PODER

POLITICA E PODER

Por Roberto Kuppê

 

alerta-de-golpeTerceiro turno

É nítida a movimentação de segmentos da sociedade em busca de um terceiro turno nas eleições de 2014. A derrota para alguns ainda não foi devidamente digerida. A coluna só lamenta a falta de democracia de uns poucos. Antes de julgar é preciso investigar e punir somente aqueles que realmente tem culpa no cartório. Esta notinha é genérica. Serve para tanto para quem quer derrubar Dilma da Presidência da República quanto Confúcio Moura do governo de Rondônia.

Operação Plateias

O governador de Rondônia, Confúcio Moura, tem falado em entrevistas que vai punir com rigor os envolvidos em malfeitos no governo dele. Será duro e enérgico na exoneração dos nomes investigados na operação, tão logo haja mínimas comprovações de envolvimento no crime.

Mudanças

Começam nesta semana que entra as mudanças (necessárias) no governo Confúcio Moura (PMDB-RO). Moura vai dar a resposta que a sociedade quer. Os últimos acontecimentos apressaram a troca de alguns nomes. Uns seriam trocados independente de qualquer movimento, mas, outros, se farão necessários. O corre-corre da sala para a cozinha é intensa. Os que estão em cargos, apelam para os padrinhos para permanecer.

Seduc

A pasta da Educação que é bastante sensível e para alguns é a galinha dos ovos de ouro, está sendo bem dirigida pelo jovem Emerson Castro que tem se saído melhor que a encomenda. Emerson tem demonstrado que merece ficar. Bastidores garantem que ele fica. Ele não diz nem que sim, nem que não. Vai esperar a decisão do chefe.

Gilvan

A incógnita seria a permanência ou não de Gilvan Ramos. Ante de ser preso (e solto) pela Operação Plateias, o secretário das Finanças era considerado o único certo a permanecer no cargo no segundo mandato de Confúcio Moura. Agora está sendo reavaliado, embora o governador o tenha defendido com unhas e dentes.

Olivar

O ex-secretário da Educação, Júlio Olivar (hoje no Detur), foi chamado a depor na Polícia Federal. Após horas sendo ouvido, foi liberado. O depoimento dele deixou perplexos os inquisidores: atuou com dureza, firmeza e determinação diante da Seduc.

 

Ôps!

“Com o PMDB mais sujo do que poleiro de pato depois da nova safra de denúncias oriunda de Rondônia, terá o Sr. Jucá as condições para continuar defendendo artifícios contábeis do governo? Todos sabem que a pretensão palaciana de esconder seus fracassos se confunde com a capacidade impensável de fomentar a corrupção. O Senador rondoniense coloca-se como o elemento ideal para vender ao Congresso uma nova medida de maquiagem e uma nova esperteza econômica com o fim de iludir o país. Isso ele deve saber como se faz”. O texto acima é da safra do colunista Claudio Humberto que misturou alhos com bugalhos. Jucá, a quem ele se refere é o senador Romero Jucá, do PMDB de Roraima.

Sobrou pro Fred

O empresário Marcelo Perillo, levado pela Polícia Federal para prestar depoimento quinta-feira passada na Operação Plateias, não é irmão do governador de Goias, Marconi Perillo. A informação é da assessoria de imprensa do político que esclareceu que, apesar do sobrenome em comum, não há relação de parentesco próxima entre eles. Ele também não é parente do marqueteiro Fred Perillo que fez o marketing de Confúcio Moura.

Desmatamento

Não pode ser. Pesquisas dizem que o desmatamento caiu na Amazônia. Voando por Rondônia é possível ver a olho nu que o desmatamento aumentou. A menos que Rondônia não faça mais parte da Amazônia.

Desmatamento 2

Há 10 anos, em 2004, foi assinado acordo entre o Ministério do Meio Ambiente e o governo de Rondônia que beneficiaria milhares de agricultores do Estado ao promover o reflorestamento de áreas desmatadas da região. Pelo acordo, uma mudança na lei estadual faria o índice de preservação de reserva legal voltar a ser de 80% em propriedades rurais, permitindo aos produtores rurais que desmataram mais do que o permitido um prazo de 30 anos para recompor 50% da reserva legal. Não foi o que aconteceu. O desmatamento simplesmente aumentou.

Pobreza

Isso é público e notório. O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, ao cumprimentar a presidenta Dilma Rousseff pela reeleição disse que a vitória da presidenta demonstra que “a população brasileira reconheceu a importância da redução da pobreza e da criação de oportunidades no Brasil”.

Exibicionismo

As redes sociais são uma revolução do século 21. Para o bem e para o mal. Muitos usam as redes para se autopromover. Outros para puro exibicionismo. Porém, ultimamente as redes têm sido utilizadas para um tipo maléfico de exibicionista. Frios assassinos filmam seus crimes e fazem questão de postar nas redes sociais. É necessário transformar esta nova modalidade de crimes em hediondo.

Mais barato

A partir de amanhã, 30,  cerca de 572 mil unidades consumidoras localizadas em 52 municípios de Rondônia terá  redução no valor da tarifa da conta de luz.  Para os consumidores residenciais atendidos pela Ceron, haverá redução de 3,57%. A redução será 4,28% para os consumidores industriais. Segundo a Aneel, entre os fatores que colaboraram para a redução das tarifas da Ceron estão os custos que a distribuidora teve com compra de energia, transmissão de energia e pagamento de encargos setoriais.

Frozen mudou!

Agendado para amanhã, 30, o espetáculo teatral Frozen não vai mais ser no Teatro Estadual Palácio das Artes. A produtora VH Eventos, responsável pelo evento, informa que,  por motivos de regulamentação documental, deixará de se apresentar no Teatro Estadual Palácio das Artes Rondônia e se apresentará na mesma data às 16hs, 17h30 e 19hs, no auditório da Faculdade Unopar localizada na Rua Matrinchã com Rio de Janeiro, nº 996 Bairro Lagoa (após o Sesi, uma rua antes do Supermercado DB).  P.S. Não há nada de errado com o Teatro Estadual que apresenta hoje, 29, O Lago dos Cisnes.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Facebook Comments