31 C
Porto Velho
terça-feira, agosto 16, 2022

Buy now

spot_img
spot_img

Coluna do RK- Bastidores da política nacional e regional

Por Roberto Kuppê (*)

Desumano

A coluna abre com uma cena dantesca, desumana e cruel. Uma mãe está presa com o filho de apenas dois dias na carceragem do 8º Distrito Policial, no Brás, em São Paulo. Jessica Monteiro, de 24 anos, e o marido Oziel Gomes da Silva, de 48 anos, foram detidos por tráfico de drogas na ultima sexta-feira. Ela foi autuada em flagrante com cerca de 90 gramas de maconha. O advogado de Jessica pediu relaxamento da prisão ou prisão domiciliar, mas foi tudo negado. Inclusive pela promotora Ana Laura Ribeiro Teixeira Martins, que também está grávida. Esse é o retrato do nosso Judiciário que deixa solto bandidos e põe na prisão até recém nascidos. Enquanto uma mãe é presa por porte de 90 gramas de maconha (quase nada) um helicóptero de um senador com 450 quilos de cocaína não dá nada para seus proprietários.

Tuiuti, a campeã do povo

O Brasil e o planeta Terra ficaram extasiados com a performance da Escola de Samba Acadêmicos do Paraíso do Tuiuti, vice-campeão do carnaval carioca de 2018. Não se fala de outra coisa. Nem a campeã Beija-Flor foi tão citada nas redes sociais quanto foi a Tuiuti que mandou um recado: não aceitamos mais ser escravos de ninguém. Nem do vampiro neoliberal, ou seja, Michel Temer. Foi a maior surpresa deste carnaval que vai influenciar os próximos enredos das escolas de samba de todo o Brasil. O tom crítico do enredo da Tuiuti denunciou o golpe travestido de impeachment para todo o Mundo. Nunca os manifestantes pró-impeachment, pelo enredo chamado de manifestoches, foram tão esculachados. Ouça o enredo numa versão acústica:

https://www.facebook.com/gresparaisodotuiuti/videos/1929117460451123/

 

Greve geral dia 19

E a vida continua depois do carnaval. Dia 19 de fevereiro é dia de luta em todo o país contra a reforma da Previdência! Em Porto Velho a concentração será em frente a CERON, na Av. 7 de Setembro às 8h.

CFDF138A-64B0-4FB2-8603-CD649E61B2EA

 

“Carnaval normal”, segundo CH

O colunista político mais famoso do Brasil, Cláudio Humberto, na coluna de hoje, disse que o carnaval foi normal. “O Carnaval deste ano eleitoral foi o menos contaminado pela política. Em outros anos, papagaios de pirata invadiam câmeras de TV ao vivo aos gritos ‘fora Dilma’ ou ‘Lula na cadeia’. Até ‘fora Temer’ foi raro”, disse ele. Onde ele estava quando a Tuiuti entrou na Sapucaí e levantou a multidão com sonoros “Fora Temer”? Na Sibéria? Que a Globo tenha ignorado o vampiro neoliberal, tudo bem, mas Claudio Humberto afirmar que não houve politização do carnaval aí é colocar a biografia dele no lixo.

Eleições 2018

Eleições 2018Ainda é carnaval na Bahia mas o Brasil volta a respirar política num ano eleitoral que promete grandes emoções. A maior delas, a luta do ex-presidente Lula para ser candidato à presidente pela terceira vez. Não vai ser fácil. Saiba tudo sobre as eleições deste ano clicando aqui. Conheça os principais pré-candidatos ao governo, Senado, e a deputado federal  e estadual de Rondônia.

Em Rondônia

A expectativa para as eleições em Rondônia será em torno do vice-governador Daniel Pereira (PSB). Ele que assume o governo dia 5 de abril, poderá ou não disputar a reeleição. O primeiro vice-governador de Rondônia a disputar uma reeleição foi João Cahulla, em 2014. Não foi eleito. Mas, se disputar, Daniel Pereira é um dos favoritos, segundo pesquisas e enquetes.

Nova postura

E por falar em Daniel Pereira, o vice-governador já circula pelo estado com uma postura mais imponente. Praticamente governador, Daniel nomeou ontem a nova diretora presidente da Emater, Albertina Maragoni Bottega, a primeira mulher no cargo. A indicação de Albertina sinaliza que Daniel Pereira vai valorizar mais a prata da casa: ela é servidora da Emater há quase 30 anos. O jeito de Daniel governar já agrada. “Ele é hábil”, comentou o Chefe da Casa Civil, Emerson Castro, presente à posse de Albertina Bottega.

Jesualdo Pires

Quem está decidido mesmo a disputar o Senado Federal é o prefeito de Ji-Paraná, Jesualdo Pires (PSB).

Expedito Júnior

O ex-senador Expedito Júnior (PSDB), ágil articulador, vai decidir até o próximo mês se sai ao Senado ou vai disputar indicação para governador do Estado com José Gued

Lucas Torres

O delegado de Buritis, distrito de Ariquemes, Lucas Torres, foi bastante elogiado ao se posicionar ao lado de moradores de rua que ocupam a praça Jonas Ferretti.

 

Reginaldo Trindade

A carta mais difícil que escrevi – Por Reginaldo TrindadeO procurador da República, Reginaldo Trindade, após 16 anos de luta, foi obrigado a se afastar formalmente do trabalho em defesa da tribo indígena Cinta Larga. “Estávamos em nosso melhor momento, já tendo ecoado nossa luta por todo o Estado de Rondônia e sonhando alçar voos ainda mais altos no país e quiçá no mundo, quando, em abril de 2016, tivemos conhecimento de que o trabalho de uma vida havia sido questionado”, contou ele em uma longa carta de despedida.

Depoimentos

O cacique da aldeia Roosevelt, Pio Cinta Larga, lamentou a saída de Reginaldo Trindade, e agradeceu o trabalho do procurador. “Hoje temos mais de cem bolsas integrais para nossos alunos em cursos universitários de várias faculdades da região e isso só foi possível por causa desse trabalho do procurador Reginaldo. No meio do ano que vem minha filha já vai se formar na faculdade. Isso muda muita coisa. A educação é muito importante para todos nós”, ressaltou. O líder Marcelo Cinta Larga destacou que vários Cintas Largas devem a vida ao procurador Reginaldo Trindade por ele ter atuado para que eles tivessem tratamentos de saúde de alta complexidade e em momentos de emergência. Ele também relembrou e agradeceu a realização da Caravana da Esperança, quando veículos de imprensa e representantes do poder público visitaram a aldeia Roosevelt, bem como as duas edições da Ação Social Cinta Larga, cooperação interinstitucional de promoção da cidadania e de saúde dos indígenas.

Paulo Andreoli

O jornalista e empresário Paulo Andreoli, finaliza a produção do filme documentário “Amor de mãe”, realizado com apoio da iniciativa privada e amigos.

Começar de novo

O advogado Breno Mendes, ex-EMDUR, reativou a página do escritório dele no Facebook. Antes era Mendes & Sá Advogados Associados. Agora é só Mendes Advogados Associados. A incursão dele na prefeitura de Porto Velho rendeu-lhe alguns quilos e um sócio a menos.

Lula

Vários juristas contestam a sentença do juiz federal Sérgio Moro contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. “A sentença de Moro viola a tradição do Direito brasileiro e do Direito Ocidental por usar premissas falsas e usar preceitos jurídicos ao revés do indicado”, diz o professor Juarez Tavares, da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ).  Já para o advogado Francisco Calmon, “O juiz Moro não atua dentro dentro dos limites da lei, mas dentro da seara política. Tanto que das 238 páginas da sentença, 52 delas são voltadas para sua própria defesa (de Moro). “Na sentença contra o presidente Lula se vê a derrocada dos princípios mais fundamentais que sustentam uma nação”, diz o advogado Fabiano Machado. O advogado e professor da PUC-SP, Álvaro Gonzaga, diz que a condenação de Lula é uma “sentença de exceção em um período democrático”. Para Gonzaga, o esvaziamento da democracia também pode se dar por uma questão jurídica”.

Fraude para incriminar Lula

Uma perícia feita nos documentos apresentados pela Odebrecht como provas no acordo de delação premiada mostra que a empreiteira fraudou documentos para incriminar o ex-presidente Lula; análise, anexada pela defesa do petista, identificou que papéis usados pelo MPF em acusação contra Lula têm marcas de montagem ou enxerto; perito também aponta inconsistências em datas de transações e em assinaturas; documentos fazem parte de ação da Lava Jato que investiga o uso de um apartamento vizinho ao do ex-presidente em São Bernardo do Campo; para a acusação, a Odebrecht custeou a aquisição do imóvel; adulteração de documentos e fraude no material apresentado nas delações já havia sido denunciada pelo ex-advogado da empreiteira Rodrigo Tacla Durán. (Do Brasil 247)

Violência no Rio

Enumero três as causas da violência no Rio. Uma das principais é a corrupção no âmbito da Polícia Militar. Enquanto não se enfrentar com coragem essa chaga milhares de inocentes continuarão a morrer, dentre eles, os próprios policiais militares. A segunda causa é a desigualdade social. A terceira, o desemprego. A soma das três resulta num barril de pólvora prestes a explodir.

Crimes ambientais

Um jornalista e formador de opinião de Rondônia, da bancada dos dinossauros, defende arduamente o fim das limitações de licenças ambientais que visam a proteção da natureza. Segundo o jornalista, o futuro governador Daniel Pereira exigiu em entrevista, a imediata demissão de Alberto Paraguassu Chaves, do Ibama-RO. Não tão longe de Rondônia, no vizinho Acre, a ex-governadora Iolanda Lima, quer saber quem liberou as licenças para construções às margens de um córrego que escoa a água das chuvas. Ela informa que sua casa foi uma das atingidas na enxurrada provocada por mais de 10 horas de chuva na noite da última terça-feira (14) na capital. Segundo Iolanda Lima, quando ela comprou sua casa foi sabendo dos detalhes do projeto, que anos depois, muitas edificações foram ampliadas e outras construídas sem que as questões ambientais fossem respeitadas. “Estou defendendo meu patrimônio, minha casa vive cheia de infiltrações, se ela é a avaliada em R$ 800 mil, eu não pego R$ 200 mil – é o único bem que tenho e não quero que ele seja depreciado por culpa de terceiros”, enfatiza. A ex-governadora afirma que é uma obrigação dos órgãos ambientais e do poder público municipal fiscalizar se há obras irregulares em área verde e às margens do igarapé. “As construções margeando o igarapé deram problema. É preciso saber quem fez, quem comprou as casa numa área verde, quero saber se houve a liberação da prefeitura”. Liberar licença ambiental ilegal tem consequências. O Ibama não é truculento. Truculento é o homem que não respeita a natureza.

(*) Roberto Kuppê é jornalista e articulista político

Informações para rkuppe@gmail.com

Related Articles

REDES SOCIAIS

0FansLike
3,435FollowersFollow
0SubscribersSubscribe
- Advertisement -Governo de Rondônia

Latest Articles