Por Roberto Kuppê (*)

160 mil mortos

O Brasil chora a morte de 160 mil brasileiros pela Covid-19. No De de Finados, hoje, o sentimento de impotência nos enche de lágrimas. O país chegou a 160.104 óbitos e 5.544.815 pessoas infectadas pelo novo coronavírus. A irresponsabilidade de um presidente da República genocida é algo impressionante. Mais impressionante ainda são os que ainda continuam o apoiando, apesar de tudo de ruim que já foi feito, falado e descoberto. Enquanto o mundo todo busca por uma vacina, o presidente imbecil disse não haver pressa e que não vai comprar a vacina chinesa. Logo ele que acusava o PT de fazer política com viés ideológico. A coluna lamenta e emite pesar pelas mortes que poderiam ter sido evitadas se, no primeiro momento, o presidente guiasse a população por caminhos certos e não ter feito o que fez e continua fazendo. Obs. Se tivéssemos seguido os protocolos de saúde conforme orientação da OMS, com certeza já teríamos saído da zona de perigo.

Vontade de Deus?

Muitas pessoas encontram conforto em Deus quando um ente querido morre. “Foi a vontade de Deus”. Não! Deus não quer a morte de ninguém. Para isso Ele dá todos os meios para nós vivermos em paz e com saúde. Deu inteligência para o homem descobrir os remédios para as doenças. Deu a terra, os rios e os mares para provermos nossos alimentos. Deu as florestas para purificar o ar para respirarmos. E o que fazem alguns? Destroem a natureza. Negam a ciência e proporcionam a nossa própria morte.

Fim do “monopólio”

O Senado deverá votar esta semana projeto de Lei que propõe a obrigatoriedade de licitação para o transporte rodoviário interestadual. A proposta, de autoria do senador Marcos Rogério (DEM-RO) e relatada por Acir Gurgacz (PDT-RO), tem apoio de outros senadores e pode ser incluída na pauta de votação da semana, que será definida na reunião de líderes. Atualmente, o poder público concede a outorga do transporte interestadual para empresas privadas por meio de uma autorização simples, que não requer licitação e depende da vontade do gestor.

Eleições 2020- Porto Velho

Pelo andar da carruagem, se as eleições fossem hoje, Hildon Chaves (PSDB) e Vinícius Miguel (Cidadania), estariam no segundo turno. Ruim para HC, que iria disputar contra um jovem idealista, ficha limpíssima e cheio de gás. Não será difícil para VM angariar apoios para o segundo turno junto aos candidatos derrotados. Essa diferença para mais de HC será zerada no segundo turno, quando os dois terão o mesmo tempo de rádio e televisão.

Eleições 2020- Porto Velho- Parte 2

Há dois anos, região central de Porto Velho estava parcialmente submersa;  relembre em imagens – Painel PolíticoMas, as eleições ocorrem somente daqui a 13 dias. Até lá, muita água há de rolar por debaixo da ponte do rio Madeira. E por falar em água, meia hora de chuva e Porto Velho fica parecendo a cidade perdida de Atlântida, totalmente submersa. É um problema antigo que ainda não foi priorizado pelas administrações: a falta de saneamento básico. Em toda campanha política vem a promessa de resolver essa questão, mas não resolvem. São obras caras e necessárias. Hildon Chaves teve a chance de resolver, mas não resolveu. Candidatos estão explorando essa grave falha da atual administração. E, de acordo com a meteorologia, no dia 14 de novembro, véspera das eleições, vai haver um dilúvio em Porto Velho. Preparem as canoas.

 

Humor político


Eleições 2020- Porto Velho- Parte 3

Tem um candidato que não se conforma com as pesquisas do Ibope e passou a atacar os dois primeiros colocados. Até o Mais RO recebeu notificação. Eles querem provas de que um determinado candidato usou a máquina para fazer propaganda política. Como não se é obrigado a produzir provas contra si próprio, que esse candidato siga avante com seus processos.

Eleições 2020- Porto Velho- Parte 4

Poucos candidatos estão apresentando programas de governo realmente necessários para a população de Porto Velho. A coluna anotou que o candidato do PT, Ramon Cujuí, é o que tem o melhor programa de governo até o presente momento. Não é à toa que a presidente nacional do PT, Gleisi Hoffman publicou:

Nomes de candidatos vereador Porto Velho

A coluna informa o nome de alguns bons candidatos a vereadores de Porto Velho: Dabson Bueno (MDB), Barbosinha (PL), Joelson (PCdoB), Sid Orleans (Cidadania), Tiago Lins (Cidadania), Cris Cézar (PSD), Bosco da Federal (PTB), Anísio Gorayeb (PSB), Arnaldo Buiú (PSD), Arimar Sá (Republicanos), Antônio Sávio (PDT), Cliver Heron (PV), Daiana Huff (MDB), Dr. Samir Coimbra (Avante), Luciana Oliveira (PT), Hérika Fontenele (PL), Fernando do Sintero (PT), Francimar Simão (PT), Geraldo Lima (PT), Giovana Barros (PT), Itamar (PT), Itamar Gurgel (DEM), José Ironildo (PT), Moisés Ribeiro (PT), Professor Garivaldo (PT), Raimundo Nonato da CUT (PT), Ricca San (PT), Renata Evans (Cidadania), Silvia Sadeck Soares (Republicanos), William Homem do Tempo (Podemos), Rosa Negra (PT), Paula Vlasak (PT), Chicão Santos (PSB), Chiquinho do Sintax (Avante), Marisa Amorim (PL), e Chiquinho do PT (PT).

(*) Roberto Kuppê é jornalista e articulista política

Facebook Comments