Por Roberto Kuppê (*)

Niver do Lula

Ontem foi o aniversário de Lula, 75. Nunca antes neste País, um ex-presidente foi tão homenageado, não só no Brasil, como no mundo todo. O maior estadista que este país já teve. Deu tudo de si para todos nós. E está firme, forte. Como faz todos os anos, Ramon Cujuí (PT), candidato a prefeito de Porto Velho, homenageou o eterno presidente com um bonito bolo. Em Guajará-Mirim (RO), candidata petista Profa. Lílian também festejou o níver de Lula. Parabéns.

                                              Lula 2022?

Este colunista é contra Lula sair candidato em 2022. Até porque não vão deixar. Gostaria imensamente de ir à posse em 2023, exatamente 20 anos depois da primeira eleição dele, de cuja posse (foto do crachá) este colunista esteve presente. Que Lula se aposente, vá viajar, viver tranquilamente em Paris com a nova esposa. Ele já deu tudo de si para o Brasil. Talvez, a maioria dos brasileiros não mereça um bom presidente como foi Lula. Que Haddad seja o candidato, com Dilma de vice.

Bosco da Federal

No site do TSE, o registro da candidatura de Bosco da Federal (PTB), de Porto Velho (RO), está como apto e a foto já consta na urna eletrônica, ou seja, pode concorrer ao pleito normalmente. Esperando apenas um parecer final do juízo eleitoral. Bom para a Câmara de Vereadores que poderá ter um excelente parlamentar. Bosco da Federal é uma das reservas morais da política de Rondônia.

Homofobia e racismo

Os dois andam juntos. Muitos se dizem não homofóbicos ou não racistas, mas, na primeira oportunidade mostram as garras. Quando um negro rouba ou faz alguma “m”, vem logo a ofensa: “tinha que ser preto”. Idem quando um gay comete um erro: “tinha que ser viado”. A mais recente notícia de racismo veio de Goiânia, de um condomínio de luxo. Uma dama da sociedade avisou ao porteiro do condô que o entregador de aplicativo negro não poderia adentrar ao recinto. “Eu não vou permitir esse macaco”. Esperamos que seja punida exemplarmente.

Análise 1- Dabson Bueno

A coluna analisa a candidatura a vereador por Porto Velho, de Dabson Bueno (MDB). Com uma das mais completas propostas para a Câmara dos Vereadores, Dabson Bueno é exemplo a ser seguido pela maioria dos candidatos que nada apresenta de concreto. Veja abaixo alguma das propostas de DB:

Análise 2-Hérika Fontenele

Dona de uma forte personalidade, firme e decidida, Hérika Fontenele (PL), será uma das forças femininas na Câmara dos Vereadores de Porto Velho. Oriunda do setor social, a ex-secretária da SEAS no governo Confúcio Moura (MDB) tem projetos sociais para a população. Leia no site de campanha dela (clique AQUI), seu vasto currículo. “Destacando meu percurso profissional consolidou-se pela dedicação e esforço nas políticas públicas voltadas à garantia de proteção social aos cidadãos, por meio de serviços sociais efetivos, os quais me conduziram ao cargo de Secretária de Estado da Assistência Social. Cargo este, cuja atuação foi pautada na defesa do sistema de garantias de direitos, de forma ética, transparente e inclusiva. Dirijo-me a cada um dos amigos(as), no sentido de dar conhecimento, que hoje estou candidata a vereadora. Acredito, que com desempenho exercido ao longo dos anos, aliado a experiência e maturidade, estou no caminho certo, e sobretudo na convicção de poder contribuir com o nosso município. Mediante esse projeto, tenho esperança de que podemos e vamos construir um relacionamento interno e mais estreito, com o objetivo de criar atitudes e novos protagonistas que permitam a construção de uma agenda política agregadora e participativa. Te convido a caminhar comigo rumo ao legislativo municipal”. 

Análise 3- Luciana Oliveira

Sem dúvidas alguma a candidata melhor preparada e com melhor marketing. Jornalista e ativista, Luciana Oliveira (PT) será uma das vozes femininas eleitas em 2020. Podem anotar. Uma cadeira é dela. O tanto de apoio maiúsculo que vem recebendo, pode se tornar a mais votada deste pleito. “Sou militante. O Partido dos Trabalhadores é onde sei que vou praticar o que há de melhor na política, o diálogo e luta pelo fortalecimento da democracia e justiça social”, disse. O meio ambiente e a cultura ganham destaque no seu ativismo, mas a jornalista esteve sempre presente em lutas pelos direitos dos trabalhadores, das mulheres, das crianças e adolescentes, educação, saúde e por inclusão social. “Para cuidar tem que amar. Espere de mim amor, coragem e iniciativas que façam bem a todos e todas. Não espere de mim covardia para fiscalizar e propor. Não espere de mim silêncio e cabresto em troca de nada, porque o mandato pertence ao povo e é o povo quem vai orientar meus passos”, disse a candidata.

Análise 4- Tiago Lins

Não se pode falar em Vinícius Miguel (Cidadania), sem falar no fiel escudeiro, Tiago Lins (Cidadania), coordenador geral da campanha e candidato a vereador, tudo ao mesmo tempo. TI do IFRO, Tiago Lins teve expressiva votação para deputado estadual em 2018, sempre com a bandeira da educação, da geração de emprego, priorizando a juventude. Será uma voz forte na Câmara dos Vereadores e um dos líderes do prefeito Vinícius Miguel, caso ambos sejam eleitos, claro.

Pesquisa Ibope

Há uma grande expectativa em torno da próxima pesquisa do Ibope que deverá ser divulgada nos próximos dias. Na primeira, o prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves (PSDB), liderou com 23%, vindo em seguida, Vinícius Miguel (Cidadania), em segundo com 12%. Todos os candidatos falam em crescimento após a campanha deflagrada nas ruas e na TV. Sim, claro, mas a coluna notou o fraco desempenho da candidata Cristiane Lopes (PP), afilhada de Ivo Cassol (PP), cujo poder se esvaiu. Outro candidato que assustou no início mas não vingou foi o Breno Mendes (Avante), que se agarrou em Bolsonaro, em queda de popularidade. Podem anotar: o candidato bolsonarista que vai aparecer bem no Ibope será Eyder Brasil (PSL). E com uma campanha cheia de propostas, o candidato do PT, Ramon Cujuí, deve pontuar bem nas próximas pesquisas. O petista está surpreendendo, com boa exposição na mídia. Já o candidato do PCdoB, Samuel Costa, afirmou ao colunista que as eleições de 2020 serão uma caixinha de surpresa. Ele acredita que poderá ir para o segundo turno. Coragem ele tem. Vontade também.

Alguns candidatos a vereadores por Porto Velho

A coluna informa o nome de alguns bons candidatos a vereadores de Porto Velho: Dabson Bueno (MDB), Barbosinha (PL), Joelson (PCdoB), Tiago Lins (Cidadania), Cris Cézar (PSD), Bosco da Federal (PTB), Anísio Gorayeb (PSB), Arnaldo Buiú (PSD), Arimar Sá (Republicanos), Antônio Sávio (PDT), Cliver Heron (PV), Daiana Huff (MDB), Dr. Samir Coimbra (Avante), Luciana Oliveira (PT), Hérika Fontenele (PL), Fernando do Sintero (PT), Francimar Simão (PT), Geraldo Lima (PT), Giovana Barros (PT), Itamar (PT), Itamar Gurgel (DEM), José Ironildo (PT), Moisés Ribeiro (PT), Professor Garivaldo (PT), Raimundo Nonato da CUT (PT), Ricca San (PT), Renata Evans (Cidadania), Silvia Sadeck Soares (Republicanos), William Homem do Tempo (Podemos), Rosa Negra (PT), Paula Vlasak (PT), Chicão Santos (PSB), Chiquinho do Sintax (Avante), Marisa Amorim (PL).

(*) Roberto Kuppê é jornalista e articulista político

Facebook Comments