marianaEm Porto Velho, até agora nenhum candidato a prefeito prestigiou uma mulher como vice. A única que se insinuou à disputa majoritária, a deputada Mariana Carvalho (PSDB-RO) desistiu sem explicações convincentes.
Ao defender o governo interino criticado por não nomear mulheres aos ministérios, a deputada disse que não basta ser mulher para ocupar espaços de poder, tem que ter competência.
Será que os candidatos dos partidos que estão na disputa pensam como Mariana, que não há uma mulher competente para estar na vitrine da política?

O PT, PSB, PR e PMDB devem escolher seus candidatos a vice até o dia 5 de agosto, data limite. Até lá, fica a tendência de menosprezar o poder das mulheres, embora elas representem mais de 50% do eleitorado.

Campanha por mais mulheres na política

VEJA O VIDEO DO TSE

 

Facebook Comments