BESSA ACOMPANHA CHEIA DO MADEIRA E PEDE PARA IMPRENSA NÃO ALARMAR A POPULAÇÃO

Marcelo Bessa: muita calma nesta hora
Marcelo Bessa: muita calma nesta hora

Na manhã desta quinta-feira (20), o secretário de Segurança, Defesa e Cidadania (Sesdec), Marcelo Bessa, esteve por mais um dia acompanhado os trabalhos na Sala de Situação instalada na sede do Sistema de Proteção da Amazônia (Sipam), em Porto Velho.

No auditório do Sipam, o coordenador do Grupo de Apoio de Desastre do Governo Federal, Defesa Civil, Daniel Martins, apresentou o modelo de formulário para que as secretarias estaduais e municipais realizem o preenchimento do Plano de Trabalho para Ações de Socorro, Assistência e Restabelecimento. No formulário, serão apresentadas todas as necessidades, tais como combustíveis, matérias para consumo, custeio de mão de obra e locação de veículos, para que então o governo federal possa liberar o recurso.

Na ocasião, Bessa orientou a imprensa para que não divulguem informações desencontradas, e que procurem o Corpo de Bombeiros e demais órgãos parceiros, para que possam ter informações fidedignas quanto aos trabalhos que estão sendo realizados. “Houve logo no início uma informação de que haveria um “Tsunami” com o rompimento da barragem, informação essa desmentida pelos técnicos das usinas, já que o projeto de construção previa enchentes desse nível”, salientou.

Marcelo Bessa destacou ainda, que o plano de ação contempla três fases, a primeira é de socorro das famílias nas áreas alagadas, segunda assistência com a distribuição de água, alimentos e acomodação em abrigos, e por último reestruturação das rodovias e limpeza dos bairros. “Estamos vivenciando uma situação de emergência, bem longe a de calamidade pública onde o Estado não tem condições de gerenciar a situação”, destacou Bessa.

Assessoria

Facebook Comments