Um homem de 48 anos, identificado apenas pelas iniciais P.S.D.S., foi preso na tarde de ontem (29), em Cuiabá, por suspeita de estupro contra a filha de 11. A avó da menina foi quem denunciou o crime para a Polícia Militar e afirmou que a criança é obriga a ter relações sexuais com o pais há cerca de um ano.

A avó também ressaltou que P.S.D.S. teria estuprado a filha pela última vez no sábado (28). De acordo com o relato à PM, a criança mora com a avó desde pequena. A vítima teria contado sobre comportamentos “estranhos” do pai, que teria apalpado partes do corpo dela e tido conversas constrangedoras.

Porém, a avó da criança explicou que ela nunca disse o que, de fato, ocorria. O último abuso teria sido descoberto quando o irmão da vítima, de 7 anos, viu o que pai supostamente fazia com a vítima através de um buraco.

A avó conversou com a vítima, que contou que há um ano, depois de ter voltado a morar com o pai, é obrigada a praticar relações sexuais com ele diariamente. A menina ainda disse que o suspeito faz ameaças e descreveu à avó, com detalhes, como é consumado o ato sexual com o pai, inclusive que o homem não usava preservativo.

O Conselho Tutelar foi acionado. A Polícia Civil vai investigar o caso.

Fonte: RD News

Facebook Comments