Ativistas protestam contra abuso sexual em frente de centro universitário em Porto Velho

0
1300


PORTO VELHO- Aconteceu nesse domingo, 2 de Junho, um ato em frente ao Centro Universitário São Lucas, em Porto Velho (RO), em protesto contra abusos sexuais cometidos contra mulheres, em especial ao ocorrido no mês de maio no interior da instituição. Durante os protestos, mulheres de vendas ou mordaças, simbolizaram o silêncio que muitas mulheres se submetem ou são obrigadas, mediante assédio dentro de centros universitários.
O Estado presenciou em menos de 45 dias duas denúncias graves de violência contra mulher no interior de instituições de nível superior onde as vítimas não contaram com apoio destas instituições. Por isso o Coletivo Filhas do Boto Nunca Mais, realizou esse ato em solidariedade as vítimas e à outras que possam se encorajar e denunciar. Essa prática, segundo o Coletivo,  só vai ser diminuída se as vítimas começarem a denunciar.

As denúncias podem ser feitas no número 180, à direção da instituição seguida de boletim de ocorrência na Delegacia da Mulher. ” O importante é a vítima não se calar e não passar por isso sozinha”, diz o Coletivo. A maioria das vítimas não denuncia por medo. “No caso de não ter coragem de fazer a denúncia sozinhas podem entrar na página do coletivo e chamar uma dos membros do coletivo a acompanhar no processo”, recomenda o Coletivo.

Facebook Comments