Duas pessoas foram esfaqueadas em Paris, na entrada da antiga sede do jornal Charlie Hebdo.

A France News 24 divulgou um vídeo do momento em que uma das vítimas é levada ao hospital.

As vítimas, um homem e uma mulher, são funcionários da produtora de audiovisuais Premières Lignes, que filmou em janeiro de 2015 os autores do atentado ao jornal fugindo depois de matar um policial na rua.

O ataque ocorre no momento em que são julgados os cúmplices dos terroristas que perpetraram o atentado contra o jornal. As autoridades tratam a ocorrência como ato terrorista.

Fonte: O Antagonista

 

Facebook Comments