Cientistas comprovam ondas gravitacionais de Einstein

ondasgravitacionaiseinsteinefe1
Detector de ondas gravitacionais na Alemanha Foto: EFE

Cientistas americanos anunciaram nesta quinta-feira (11) terem comprovado a existência das ondas gravitacionais previstas pelo físico Albert Einstein, uma parte da sua famosa Teoria da Relatividade.

As ondas gravitacionais são pequenas ondulações provocadas no tecido do espaço-tempo quando um corpo com massa é acelerado. Elas podem ser comparadas às ondas que se formam na água após o arremesso de uma pedra.

 O deslocamento de um corpo com massa se dá após acontecimentos muito violentos, como uma colisão de galáxias e a fusão de dois buracos negros.
Até então, não havia evidência concreta da existência das ondas gravitacionais, que distorcem o espaço-tempo e se propagam à velocidade da luz.
Chefe do arquivo da Universidade de Jerusalém mostra os manuscritos originais de Einstein sobre as ondas gravitacionais. Foto: EFE
Chefe do arquivo da Universidade de Jerusalém mostra os manuscritos originais de Einstein sobre as ondas gravitacionais.
Foto: EFE

Segundo cientistas, o anúncio do grupo de pesquisadores do Laser Interferometer Gravitational-Wave Observatory (Ligo) representa o início de uma nova era para a astronomia. Alguns compararam a comprovação da teoria com o momento em que Galileu observou os planetas com um telescópio.

A equipe de astrofísicos usou um novo e potente telescópio de US$ 1,1 bilhão para detectar uma onda gravitacional formada pela fusão de dois buracos negros numa galáxia distante 1,3 bilhão de anos-luz da Terra.

Fonte Deutsche Welle

 

Facebook Comments