Sesi e Senai selecionam alunos para intercâmbio nos Estados Unidos

Alunos EBEP Sesi e Senai Cacoal, Gabriela Maciel e Rafael Duarte, selecionados pelo programa Conexão Mundo, embarcam dia 25 para Denver, Estados Unidos, com a professora Luciane de Lima (direita),

Dois alunos do Sesi-Senai de Cacoal estão eufóricos e felizes com a oportunidade de fazer uma imersão em inglês nos Estados Unidos, pelo programa Conexão Mundo. Gabriela Maciel Santos e Rafael Bastos Duarte, ambos com 17 anos, são os selecionados para a viagem de 13 dias a Denver, no Colorado (Estados Unidos). Eles estudam na escola ‘Memorina Rosa Campos’, em Cacoal, no curso de Educação Básica Articulada com Educação Profissional (EBEP).

Gabriela e Rafael estiveram em Brasília, onde participaram de entrevista para emissão dos vistos e foram aprovados. O próximo passo é a preparação para viagem que acontece dia 25 de fevereiro. A professora Luciane de Lima, que acompanha o processo desde o começo, também viajará com os estudantes.

O objetivo do Programa é aumentar a proficiência no idioma inglês dos estudantes da Educação Básica articulada a Educação Profissional (EBEP) do Sesi-Senai. Criado em 2012 e executado pelo Sesi e Senai em parceria com a ONG US-Brazil Connect, dos Estados Unidos da América, o programa Conexão Mundo funciona em quatro momentos distintos: 1) fase de interação online; 2) fase de interação presencial; 3) retorno à fase online e 4) finalmente, após fase de seleção de alguns alunos, viagem de intercâmbio aos Estados Unidos.

 

Entusiasta do programa, o presidente da Fiero, Marcelo Thomé, acredita que o conhecimento avançado de uma língua estrangeira como o inglês é bastante valorizado no mundo do trabalho. “Com a viagem para os Estados Unidos, estes alunos terão a oportunidade de aprimorar ainda mais o conhecimento adquirido do inglês, além de imergirem não somente na cultura americana e conhecer como é o mundo do trabalho em um país de indústrias multinacionais e saber quais as qualificações que mais são esperadas do profissional por elas empregado, visão esta proporcionada com as visitas técnicas às indústrias”, disse.

 

Thomé argumenta que esses futuros profissionais podem se beneficiar de tal conhecimento para se qualificar e aplicar a indústria local / nacional, que está cada vez mais integrada ao mercado transnacional, globalizado.

O processo seletivo segue as diretrizes dos Departamentos Nacionais do Sesi e Senai, assim como do Departamento de Relações Internacionais da CNI que orientam os Departamentos Regionais a escolher 10% dos alunos que mostraram os melhores desempenho na aprendizagem do idioma inglês. Também soma ponto para ser selecionado, o aprimoramento das habilidades de trabalho em grupo, ética nos relacionamentos, maturidade, proatividade nas tarefas durante as três fases do programa, superação do medo para falar em inglês e em público e também assiduidade nas tarefas do Ensino Médio e do Ensino Técnico, respectivamente.

O superintendente do Sesi-RO e diretor Regional do Senai-RO, Valério Duarte ressalta a importância da iniciativa que mudou a vida de vários jovens ao participarem do Programa Conexão Mundo. Agregando valor ao conhecimento adquirido com estes desafios, os jovens conseguem entender que esta oportunidade vai trazer mudanças para a sua vida pessoal e profissional.

Para a coordenadora de Educação do Departamento Regional Sesi e Senai-RO, Patrícia Ribeiro, o aprendizado e experiência adquiridos ao participar do programa, representam diferencial no mercado do trabalho. Patrícia acrescenta que Sesi e Senai estão elaborando junto com a Seduc, o convênio para a continuidade do Conexão Mundo em 2017.

Segundo a pedagoga Wilmen França Gonçalves, do Sesi-Senai Porto Velho, o Programa já beneficiou 50 estudantes com aulas de inglês presenciais e a distância durante cinco meses, com carga horária de 340 horas, sendo um mês inteiro de imersão no idioma com aulas presenciais de quatro horas por dia.