Pesquisa inédita expõe desgaste da polarização, descrença nos políticos e amplo desejo de mudança para as eleições de 2018

0
143

A pedido do movimento Agora!, o IDEIA Big Data entrevistou 10.063 pessoas de todos as cinco regiões do Brasil, durante os dias 11 e 25 de julho

A política tradicional, os partidos e atuais políticos estão em forte queda no imaginário dos eleitores. Isso é o que demonstra a pesquisa realizada pelo IDEIA Big Data, a pedido do movimento Agora!, entre os dias 11 e 25 de julho, com aproximadamente 10 mil pessoas de todo o País. “A pesquisa veio confirmar o sentimento do movimento Agora!. O momento é dos cidadãos comuns indignados assumirem o protagonismo da construção de um país melhor e mais justo.”, explica uma das coordenadoras do Agora!, Ilona Szabó.

Na pesquisa, realizada via telefone, a maioria esmagadora das pessoas deseja ver caras novas nas eleições de 2018. Segundo o levantamento, 79% concordam com a afirmação “gostaria muito de ver os cidadãos comuns (de fora da política), como professores, empreendedores, funcionários públicos concursados, trabalhadores da indústria, profissionais liberais, entre outros, candidatos em 2018”.

 

E os partidos, por sua vez, continuam num processo de desgaste de credibilidade: 77% dos entrevistados destacam que votam na pessoa e não se importam com o partido político – na região Nordeste, esse percentual chega a 90%. Também nessa linha, 72% responderam que não se importam se uma política pública é de direita ou esquerda, desde que torne sua vida melhor. “O estudo mostra a irrelevância dessa polarização na cabeça das pessoas. Os brasileiros querem lideranças menos ideológicas e mais pragmáticas. A maioria está sedenta por soluções concretas, independentemente de partido e das brigas pelo poder em Brasília”, destaca Leandro Machado, outro coordenador do Agora!.

 

Os respondentes também acreditam que movimentos de fora da política (de cidadãos comuns) entendem bem melhor os seus problemas (81%). “Fica evidente a desconexão entre os políticos atuais e os problemas reais das pessoas”, reforça Ilona. “A política precisa voltar a servir melhor as pessoas e isso é urgente”, completa Leandro Machado completa.

 

Os números apontam que os eleitores já se preparam para mostrar seu descontentamento na prática. Para 48% dos entrevistados, a eleição de 2018 é certamente a grande oportunidade que o Brasil tem para renovar a política – enquanto 38% discordam. A maioria (57%) defende que pessoas envolvidas na Lava-Jato, mesmo que não tenham sido condenadas, não merecem seu voto. Já 52% defendem que “somente quem nunca foi candidato(a) a nada pode realmente trazer a renovação necessária”. A região Sul é a que mais acredita nesta afirmação (60%), seguida pelo Sudeste (55%), e o Centro-Oeste (52%). No Nordeste, esse percentual cai para 44% e, no Norte, 45%. Quanto ao partido, 59% gostariam que o próximo presidente não pertencesse ao PMDB, PSDB e nem PT. “O ciclo desses três grandes partidos no Palácio do Planalto está fortemente ameaçado em 2018. O eleitor brasileiro está aberto a outras alternativas. Resta saber quem poderá ocupar esse espaço”, conclui o presidente do IDEIA Big Data, Mauricio Moura. O IDEIA Big Data ouviu 10.063 pessoas de 37 municípios brasileiros, envolvendo todos os estados do País. A margem de erro estimada é de aproximadamente 1.75%.

 

 

Sobre o IDEIA Big Data

Fundado em 2011 pelo economista Maurício Moura, o instituto nasceu com a finalidade de prover inteligência competitiva para empresas, órgãos públicos, associações e campanhas políticas no Brasil e no exterior. É uma empresa que utiliza expertise em pesquisas (escuta) aliada ao uso de Big Data (armazena) para estratificar da forma mais detalhada possível informações individuais e apoiar de forma eficiente a comunicação direta (impacta). Seu objetivo é ajudar clientes a solucionar problemas, tomar decisões estratégicas e se comunicar com os seus públicos de interesse de forma mais assertiva e segura. Para isso, a empresa alia um big data robusto, ampla expertise internacional e uma equipe inovadora e multidisciplinar. ideiabigdata.com

 

Facebook Comments