Equipes anfitriãs do handebol são campeãs dos Jogos Escolares de Rondônia em Ji-Paraná

0
135
Os dois times do Cedusp/Ulbra, de Ji-Paraná, classificaram no handebol

As equipes masculina e feminina do handebol do Cedusp/Ulbra venceram as partidas finais da etapa estadual infantil (12 a 14 anos) dos Jogos Escolares de Rondônia (Joer), que encerrou no sábado (26), em Ji-Paraná. Os vencedores, assim como nas demais modallidades coletivas, estão classificados aos Jogos Escolares da Juventude (JEJ), que ocorrem de 12 a 21 de setembro, em Curitiba (PR).

“Não foi fácil. A equipe adversária veio bem preparada, mas conseguimos a vitória”, disse o central Adriel Sansão, autor do maior número de gols na partida contra o time da escola estadual Marcello Candia, de Porto Velho. O jogo encerrou com dois pontos de de diferença no placar. “Em 2016 passamos tranquilo pela mesma equipe na final do Joer, em Cacoal. Este ano nos deu trabalho”, lembra o técnico do Cedusp/Ulbra, professor Reginaldo César.

O handebol feminino do Cedusp/Ulbra finalizou a partida com o placar de 21×11 sobre a equipe da escola Clarice Lispector, de Rolim de Moura.

As duas finais do basquetebol foram disputadas entre duas escolas de Porto Velho, Dom Bosco e Classe A. O colégio Dom Bosco ganhou no masculino e no feminino, garantindo as vagas aos JEJ, na capital paranaense.

De Vilhena, o voleibol do técnico France Lima garantiu as duas vagas à competição nacional, em setembro. As duas equipes são da escola estadual Maria Arlete. O futsal masculino de Vilhena, da escola estadual Wilson Camargo, também foi classificado, no sábado, ao vencer a equipe da escola estadual Jorge Vicente Salazar, de Porto Velho. No futsal feminino, a vaga ficou para a escola Manuel Bandeira, de Colorado do Oeste.

NATAÇÃO

Dos 21 alunos-atletas da delegação da capital, 10 obtiveram índices para disputar o JEJ, em Curitiba. A natação foi disputada nas categorias Infantil e Juvenil (15 a 17 anos). Os classificados no juvenil participam dos JEJ, em Brasília (DF), em novembro.

 

As categorias infantil e juvenil foram disputadas durante do Joer em Ji-Paraná

No infantil feminino, Cacoal ficou com o primeiro lugar na pontuação geral das provas aquáticas. O masculino mais bem pontuado foi o Sesi/PVH. “Classificamos quatro meninos e duas meninas no infantil, e outros dois garotos no juvenil. Nosso objetivo agora é acelerar os treinos para medalhar em Curitiba e em Brasília”, disse o técnico Paulo Siqueira, de Porto Velho.

O ouro no juvenil ficou para os alunos atletas do Colégio Tiradentes e da escola estadual João Bento Costa, ambas de Porto Velho. Gabriel Rodrigues de Oliveira, por seis segundos de diferença ficou com o bronze do infantil nos 50 metros borboleta, mas a prata veio no revezamento 4×50 metros medley. “Ano que vem estarei no juvenil e ganho o ouro”, disse o estudante da escola estadual Plácido de Castro, de Jaru.

Durante dez dias, a organização do Joer envolveu 1805 pessoas de 250 escolas públicas e particulares de 48 cidades. A disputa aconteceu em dez modalidades individuais e cinco coletivas, no masculino e feminino. A competição contou com 60 voluntários da área de saúde e apoio a organização de eventos.

Neste ano, as provas, combates e partidas das modalidades de taekwondo, karatê, natação, ginástica rítmica e badminton, da categoria juvenil (15 a 17 anos), foi realizada juntamente com a etapa infantil. O Joer é uma organização e realização da Gerência de Educação Física, Esporte e Cultura Escolar (Gefece), da Secretaria de Estado de Educação (Seduc).

Veja a galeria de fotos do Joer em Ji-Paraná

Leia mais:
 Finais no futsal e handebol encerram a etapa infantil dos Jogos Escolares de Rondônia Joer neste sábado em Ji-Paraná
 Combates no judô e disputas na natação são etapas finais dos Jogos Escolares em Ji-Paraná


Fonte
Texto: Paulo Sérgio
Fotos: Daiane Mendonça
Secom – Governo de Rondônia


Facebook Comments
COMPARTILHAR
Artigo anteriorMAIS UMA – Ruan Gladson é campeão da terceira etapa do campeonato estadual do judô
Próximo artigoGuayaramerín lota exibição do Cineamazônia Itinerante na cidade boliviana