Depen realiza doação de armas para as prisões do estado de Rondônia

0
211
A Penitenciária Federal de Porto Velho (PFPV) realizou no dia 24 deste mês a entrega de armamentos que posteriormente serão doados para as prisões estaduais de Rondônia. São armas de variados modelos e calibres que reforçarão a segurança dentro e fora das unidades prisionais. A solenidade de entrega ocorreu na própria PFPV, com a presença do Secretario de Estado da Justiça (SEJUS), Marcos Rocha, e autoridades representando o Departamento Penitenciário Nacional (DEPEN). 
Ao todo, 51 novas armas curtas e longas foram entregues pelo Depen à Sejus de Rondônia, que tem sido um dos Estados mais beneficiados com recebimento de armas e equipamentos das prisões federais. Outras unidades federativas do Brasil que possuem prisões federais também receberam e continuarão recebendo armas, além dos treinamentos constantes que são ministrados pelos agentes federais do Depen.
Esta doação esta alinhada com a atual política do Depen de fortalecimento dos sistemas prisionais estaduais, em diversas frentes. “Além das ações em âmbito nacional promovidas pelo Depen como trabalho e renda para presos, penas e medidas alternativas, financiamento de construção de presídios e repasse de recursos”, explica Cristiano Torquato, diretor da PFPV. Ele cita ainda que em âmbito local, as ações do Governo Federal têm trazido inúmeros benefícios à segurança pública de Rondônia, citando treinamentos que vêm sendo minstrados para servidores que atuam na área.
O diretor da Penitenciária Federal de Porto Velho cita, entre os inúmeros treinamentos que vêm sendo ministrados ao longo dos últimos meses especialmente para servidores da segurança de Rondônia, curso de Inteligência, Escolta e de Técnicas de Algemamento. São técnicas que são empregadas pelos Agentes Federais de Execução Penal nas quatro prisões federais do Brasil, que colaboram para o resultado positivo do Sistema Penitenciário Federal. Em mais de dez anos, nunca houve uma fuga, rebelião ou entrada de qualquer objeto ilícito, com armas e drogas.
O armamento foi substituído pelo SPF, que adquiriu novo arsenal para reforçar a segurança dentro e fora das prisões federais. Entre as novidades implementadas nos presídios federais estão novos fuzis de calibre 556 e 762, de alto poder de ataque. O arsenal bélico foi instalado em pontos estratégicos das prisões federais, para serem utilizados em casos de reações contra tentativas de resgates ou ataques externos.
Devido às exigências da lei nº 8.666/93 e do decreto nº 99.658/90, o processo de doação definitivo de armamentos, segue trâmites rigorosos, tanto junto ao Comando do Exército, quanto junto ao Ministério da Justiça (MJ). Assim, a entrega que foi realizada neste mês foi é apenas uma cautela, que é uma espécie de autorização para uso das armas. As armas longas foram entregues já no dia 24, enquanto as pistolas serão repassadas posteriormente. Ao todo, são 51 armas de variados calibres e modelos.
ARMAS DOADAS PELO SPF À SEJUS/RO:
– 12 carabinas da marca Taurus, calibre .40;
– 8 carabinas da Imbel (fuzis), com calbre 5,56;
– 8 espingardas calibre 12, tipo CBC 586,2;
– 20 pistolas da marca Tauros, calibre .40 e modelo 24/7 (entrega posterior);
– três lançadores de granadas tipo AM 600.
Facebook Comments